okbet

2023-05-29 15:30:05 | em99t

$f.uc_title$

Denúncias de racismo dentro do governo federal cresceram 94% nos primeiros cinco meses de 2023, ano do tereiro mandato do presidente Lula (PT). No total, já foram registradas 394 ocorrências, 94% em rela??o ao mesmo período do ano passado. De acordo com o portal Metrópoles, com dados da Controladoria-Geral da Uni?o (CGU), a média é de três denúncias por dia. Anteriormente, até fevereiro, a média era de duas notifica??es por dia. POLêMICADefesa de policiais suspeitos de corrup??o em SP chama a??o da Corregedoria de arbitrária JEFF MACHADOMesmo dando R$20 mil ator n?o acreditava em golpe, mas sim que o suposto amigo estava apaixonado por ele Segundo o levantamento,?os órg?os onde mais foram relatadas denúncias foram o Departamento de Polícia Federal (DPF), o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH) e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). window.uolads && window.uolads.push({ id: "banner-300x250-1-area" }); Polícia Federal - 29Ministério da Mulher - 28INSS - 19Ministério da Educa??o e Ministério dos Direitos Humanos - 16Universidade Federal de Minas Gerais e Ministério do Trabalho e Previdência - 13Presidência da República, Controladoria-Geral da Uni?o e Ministério da Saúde - 10 Desde o início do último governo, sob gest?o do ex-presidente Jair Bolsonro (PL), e os cinco meses do atual governo, foram registradas 2.646 denúncias de racismo. Desse total, 1.922 foram concluídas e 658 foram arquivadas. O ápice de casos foi no ano de 2020, no governo Bolsonaro; entre janeiro e maio daquele ano, foram registradas 675 denúncias. window.uolads && window.uolads.push({ id: "banner-300x250-2-area" });