lodi646

A deputada federal Carla Zambelli (PL), virou piada no Twitter após fazer uma publica??o pedindo apoio para Deltan Dallagnol (Podemos), recém cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Na manh? desta quinta-feira (25), a bolsonarista disse que se estivesse melhor de saúde iria às ruas defender o ex-procurador. “Acho válido irmos às ruas para defender o Deltan Dallagnol e se eu ajo estivesse em tratamento médico contínuo, eu estaria lá. Mas n?o me lembro do MBL e Vem Pra Rua se mobilizar pelo Daniel Silveira, esse culpa eu n?o carrego, estive em todas as oportunidades que pude para defendê-lo”, escreveu. DROGAA droga do 'efeito zumbi' que está destruindo SP chega à Bahia BNews PetMoradora do Complexo do Alem?o acusa PM de levar cachorro durante opera??o: "estou sem ch?o"; veja desfecho Zambelli teve alta nesta segunda-feira (22) após ser diagnosticada com?Covid-19. A parlamentar deu entrada no Hospital DF Star, em Brasília, no último dia 15, para o monitoramento dos sintomas após um "mal súbito" sem causa identificada. window.uolads && window.uolads.push({ id: "banner-300x250-1-area" }); De acordo com o hospital, Zambelli está curada da Covid-19 e precisará seguir com um tratamento, agora, para fibromialgia. Ela terá de ficar afastada do trabalho por 30 dias. Logo após a publica??o da deputada, internautas iniciaram uma sequência de comentários debochando da parlamentar. “eu n?o esqueci o que eles fizeram, e sei que muitos tbm n?o, aliás, deixando de seguir vc”, escreveu um. “N?o vou apoiar ex-pgr, eu lembro bem quando ele e o ex-juiz tentaram derrubar o Bolsonaro. Esquecer desse fato n?o dá. Estou fora”, disse outro. “Prefiro ficar em casa, comendo pipoca”, completou outro. Após toda a repercuss?o negativa, Zambelli apagou a publica??o, mas o BNews já havia feito print. Confira abaixo: window.uolads && window.uolads.push({ id: "banner-300x250-2-area" }); Dallagnol teve seu mandato cassado nesta ter?a-feira (16), após decis?o do TSE. A decis?o, que foi unanime pelos ministros que seguiram o relator, o magistrado Benedito Gon?alves, deve ser cumprida imediatamente, porém Deltan ainda pode recorrer da decis?o, mas já sem o mandato. ?Os votos recebidos pelo ex-parlamentar ser?o destinados ao seu partido, o Podemos. "Tribunal, por unanimidade, deu procedimento aos recursos ordinários para indeferir o registro de candidatura do recorrido Deltan Martinazzo Dallagnol ao cargo de deputado federal. Comunicando de imediato ao Tribunal Regional Eleitoral do Paraná para imediata execu??o do acórdon independentemente de publica??o. Mantendo-se o compto dos votos em favor da legenda", anunciou o ministro Alexandre de Moraes. window.uolads && window.uolads.push({ id: "banner-300x250-3-area" });

日本熟妇色videos|日本不卡一区二区三区在线|小草在线资源视频免费观看|日韩精品免费无码专区